A letra escarlate – Literatura Americana

Sobre o que é “A letra Escarlate”?

“A letra escarlate” é um livro de Nathaniel Hawthorne. Uma obra que se passa na Boston puritana do século XVII. Hester Prynne é uma jovem mulher casada que é enviada pelo marido para a nova colônia inglesa.

Enquanto seu marido não vem, ela se envolve com outro homem. Grávida, com sua relação adúltera revelada, ela é condenada. Por isso, deve carregar uma letra A, escarlate, presa ao peito.

O “A” de adúltera, a torna uma pária na cidade. Ninguém se aproxima dela, nem de sua filha. Por isso, elas precisam apenas sobreviver pela cidade. Especialmente, pelo fato de que ela se recusa a trair o pai da menina e, por isso, não revela quem é esse homem.

Além disso, ela precisa lidar com a volta do marido, que busca vingança.

Clássico da Literatura

Essa obra é um clássico da literatura Norte Americana. Alias, é um dos primeiros.

Sua introdução causou escândalo. Nele, ele revela sua inspiração para a escrita da obra. Por ter revelado algumas verdades sobre a sociedade americana da época – e do passado – a sociedade puritana se sentiu ofendida.

Entretanto, isso não atrapalhou o sucesso de “A letra Escarlate”. Livro que até hoje faz parte da grade curricular das escolas dos Estados Unidos.

A heroína

Não é difícil perceber quem é o pai da pequena Perl – pérola em inglês. A paternidade da filha de Hester é facilmente percebida.

Entretanto, o pai dela não é de grande ajuda. Por isso, Hester é a heroína. Ela precisa lidar com a letra escarlate, com a criação da menina e com os olhos de toda a sociedade.

Por isso, para você que gosta de obras como “Vox” ou “O conto de Aia”, essa é uma ótima opção.

Além disso, é ótimo para pessoas com interesse em história. Pois é um retrato de uma época na qual o país estava começando a se criar. Um pouco após sua colonização.

Quem já leu? Quem deseja ler? Quem quer indicar outra obra? Envie email para [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *